quarta-feira, 14 de março de 2012

Um homem pra chamar de seu

Mulher é assim: se fosse possível, levaria a casa inteira a tiracolo. Carteira, maquiagem, celular, guarda-chuva, agenda… é tanta coisa que a bolsa vai ficando cada vez mais pesada ao longo do dia. Agora imagine se você não precisasse carregar nada disso? Se alguém levasse tudo pra você?
   
Pois no desfile da grife francesa Louis Vuitton, na semana de moda de Paris, não se viu nada nas mãos das modelos. Homens uniformizados desfilaram com as bolsas delas. Podia ser uma bolsinha de mão ou uma mala grande, de viagem - eles estavam ali, sempre a postos, deixando muitas mulheres morrendo de inveja.

Esse cavalheirismo todo é uma referência às primeiras décadas do século XX, quando as malas ainda eram feitas de couro e metal e carregadores estavam à disposição de quem tinha dinheiro para levá-las nas estações de trem. Atmosfera que a Louis Vuitton conseguiu transportar - e muito bem - para a passarela, recriando uma plataforma com direito a trem e tudo mais. 

Marc Jacobs, no comando da marca há 15 anos, não poupou glamour e saudosismo na hora de materializar a coleção. A mulher Louis Vuitton vai passar o inverno 2013 vestindo casacos amplos, com golas grandes e broches no lugar dos botões. As calças com barra pouco acima do tornozelo aparecem sob vestidos, saias e blazers, valorizando as sobreposições. Pra finalizar, muito brilho, pedras e outras aplicações coloridas. O toque final fica por conta dos charmosos maxichapéus e dos óculos grandes e redondos.

E as bolsas? As desejadas bolsas LV vêm em couro e revestidas por pelos que imitam franjas. Vêm carregadas por homens uniformizados, aqueles que fazem muitas mulheres sentirem vontade de voltar no tempo, mais precisamente às primeiras décadas do século XX.





por Tatiana Pereira

3 comentários:

  1. Pelo preço desses "mimos", era justo que viesse junto um "Alceu: al ceu dispor", né? :)

    ResponderExcluir
  2. acessórios indispensáveis. Ambos =) hahah

    ResponderExcluir